Aqueles que voam sempre saem, primeiro, da borda.

O meu pai sempre me dizia: "Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje."
Na minha preguiçosa adolescência o seu conselho soava como uma ofensa. Tinha o costume de deixar para ultima hora as minhas obrigações só para ficar "vadiando" um pouco a mais.
Quase 30 anos depois lendo um livro estas palavras foram capturadas nas gavetas da minha memória inspirando a escrever este artigo.

Na minha vida profissional verifiquei que um dos segredos para o sucesso é não deixar o que você não pode fazer interferir no que você pode fazer. Observe deixamos de fazer o que podemos fazer para pensar naquilo que não podemos fazer.
Os melhores profissionais que trabalharam comigo tinham como meta ir onde você não queria ir e fazer o que não queria fazer. Nunca deixaram a preguiça dominar a sua vontade. A preguiça é a grande aliada do fracasso.
Se você quiser aproveitar uma oportunidade, corra risco.
Se você quiser progredir, cometa erros.
Se você quiser atingir o ápice, arrisque.
Thomas Edison vivia assolado por dívidas na sua pequena lojinha. O seu fornecedor de gás cortou o fornecimento por falta de pagamento. Ele estava no meu de uma experiência muito importante e ficou literalmente no escuro, aquilo o deixou profundamente irritado que passou a se dedicar ao estudo da energia elétrica para substituir o gás e competir com seu algoz.
O resto da história todos já conhecem ele fundou a General Electric Company.
Ueze Elias Zahran vivia em grande dificuldade, seu pai havia perdido vários negócios com o jogo e a sua vida marcada por derrotas. Filho de imigrantes libaneses decidiu mudar seu destino. Partiu para São Paulo em busca de oportunidades criando com seus irmãos a Companhia Paulista de Gaz - COPAGAZ. Hoje a quinta maior distribuidora de GLP do Brasil. Não obstante trouxe para o Centro Oeste cinco geradoras de televisão atual Rede Matogrossense de Televisão. A sua vida foi marcada de sucesso e derrotas e não deixou se abater por nenhuma delas.
Os desafios nos despertam para criatividade. As dificuldades são o tempero dos empreendedores.
Normalmente com as dificuldades da vida somos tomados pelo medo. O medo nos priva de nosso potencial. Faz-nos menores do que realmente somos. Tomados pelo medo passamos a ser obstáculo para as pessoas e organizações.
Shakespeare escreveu: "Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder aquilo que poderíamos conquistar se não fosse o medo de tentar."
Os homens de sucesso com quem convivi tinham um desejo incontrolável de vencer. Paixão por vencer. Eles não deixaram o medo dominar a sua existência. Os nossos medos na maioria das vezes não são baseados na realidade e sim nas nossas expectativas.
Muitos acontecimentos na nossa vida não podemos controlar. Devemos prestar atenção naqueles que podemos controlar. O mais importante não é o que acontece conosco e sim o que acontece em nós.
O passado e o futuro ocupam espaços acima do que deveriam. Podemos mudar somente o presente o nosso campo de batalha é aqui e agora. No presente fazemos o futuro e escrevemos o passado.
Mark Twain resume em uma frase o efeito do medo na nossa vida: "Passei por coisas terríveis em minha vida, e algumas delas de fato ocorreram".
A nossa vida significa risco. Podemos escolher dois estilos de vida:
O primeiro é viver a vida com realizações acompanhada das emoções com derrotas e vitórias;
O segundo é viver a margem da vida.

Não podemos voltar ao passado para corrigir o futuro. Temos o presente para construir um futuro diferente. Nunca é tarde para começar.

Comentários

  1. Excelente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. É isso aí, muito bom! mas o melhor foi saber que vc é tricolor. bjs
    Celeste Curado

    ResponderExcluir
  3. Miraaaa... Adorei o seu Artigo!!!

    Abs,
    Gleyka Vieira Silveira.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Os problemas da pesquisa por quota

Tempestade Perfeita

NUNCA ABRA MÃO DOS SEUS VALORES PESSOAIS