A liberdade de expressão


Todo ser humano tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferência, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e idéias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras. Art XIX da Declaração dos Direitos Humanos

 "Pensai por conta própria e deixai que os demais desfrutem do direito de fazer o mesmo" - Voltaire

A liberdade de expressão é um dos pilares da democracia. Qualquer tipo de censura é contrário ao espírito democrático. Parafraseando Voltaire, ainda que eu não concorde com as idéias de alguém, devo defender o seu sagrado direito de expressá-las.

Se proibirmos que as pessoas se expressem livremente, jamais saberemos o que há de verdade na sua intenção.  Liberdade de expressar suas idéias, opiniões, dúvidas, anseios e temores, é condição básica para o ser humano.

Nós devemos tomar muito cuidado para que tal liberdade não esbarre no bom senso, possibilitando denegrir pessoas e instituições, e insuflando a sociedade a cometer injustiças.

A liberdade de expressão, como todo “poder”, demanda responsabilidade. Entendo como responsabilidade estar disposto a arcar com tudo aquilo que digo e faço.

Todo ser humano tem o direito de discordar, questionar, argumentar e defender suas idéias. Ninguém deve ser privado desse direito nunca.

Não devemos nos esquecer que essa estrada tem mão dupla. Assim como opinamos sobre assuntos controversos devemos estar prontos para ouvir as eventuais críticas e opiniões contrárias a nosso respeito. O sagrado direito do contraditório.

Não podemos, simplesmente, querer calar a boca de quem pensa diferente de nós. Somos uma sociedade pluralista, e devemos ser agradecidos por isso.

Não se pode subestimar a capacidade de compreensão que as pessoas têm, nem tampouco achar que devamos pensar por elas. Deixemos que tirem suas próprias conclusões. Não as manipulemos, nem as façamos aderir às nossas opiniões.

O grande filósofo grego, Sócrates, estimulava seus alunos sempre com uma nova pergunta.  O seu objetivo era que encontrassem a resposta por si mesmo, e assim, se sentisse o “dono” daquela idéia. Uma idéia imposta é facilmente abandonada. Mas uma idéia criada pela própria pessoa, dificilmente é descartada.

Quem defende a liberdade de expressão, deve igualmente defender a liberdade de pensamento sempre.

A Internet possibilita o livre acesso à informação de todo tipo, credo, raça e ideologia.

Observe os países onde a censura ainda prevalece, internautas têm acesso quase ilimitado às informações contidas na grande rede mundial de computadores.

Vivemos o século do conhecimento onde a interatividade permite aprofundar em nossos direitos e deveres.

Ricardo Fraga Moreira Miragaia – Administrador de Empresas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os problemas da pesquisa por quota

Tempestade Perfeita

NUNCA ABRA MÃO DOS SEUS VALORES PESSOAIS